segunda-feira, 10 dezembro 2018

Nasir al-Mulk: a mesquita das cores

 

A mesquita de Nasir al-Mulk (Nasir-ol-Molk), popularmente conhecida como a Mesquita Rosa, é uma tradicional mesquita em Shiraz, Iran, localizada no distrito de Gowad-e-Araban. Por fora, uma mesquita tradicional com características da arquitetura iraniana, por dentro uma caleidoscópio de cores.

A mesquita Nasir al-Mulk é composta por uma fachada com extensos vidros coloridos que transformam o seu interior durante o período da manhã. Pensada para aproveitar a maior luminosidade no período da manhã, a luz do sol transforma o ambiente em uma mistura de cores.

Foto: Ramin Rahmani Nejad
Foto: Ramin Rahmani Nejad
Foto: Ramin Rahmani Nejad
Foto: Ramin Rahmani Nejad

O seu interior é preenchido constantemente por luzes, formas e sobreposições de cores influenciadas pela iluminação externa, tudo isso em contraste com os detalhes internos da construção. Os mosaicos criados pela iluminação estão em constante movimento, criando novas imagens, figuras geométricas e combinações de cores. A mudança das cores acontece em contraste com as texturas e elementos da arquitetura interna de Nasir al-Mulk, criando sempre cenários diferentes.

Foto: Ramin Rahmani Nejad
Foto: Ramin Rahmani Nejad
Foto: Ramin Rahmani Nejad
Foto: Ramin Rahmani Nejad
Foto: Mohammad Reza Domiri Ganji
Foto: Mohammad Reza Domiri Ganji

A mesquita de Nasir al-Mulk foi construído 1876-1888, pela ordem de Mirza Hasan Ali (Nasir ol Molk), um governante Qajar. O projeto foi uma concepção de Mohammad Hasan-e-Memar e Mohammad Reza Kashi-Saz-e -Širāzi. A mesquita também é conhecida como a Mesquita Rosa devido ao uso de consideráveis azulejos cor-de-rosa em seu interior.

Foto: Mohammad Reza Domiri Ganji
Foto: Mohammad Reza Domiri Ganji

A interação do sol com a construção é melhor vista durante o período da manhã.

Foto: Abbas Arabzadeh
Foto: Abbas Arabzadeh

Comentários no Facebook